top of page

PCdoB, O PASSADO CONDENA!


Com a posse da nova secretária de educação o PCdoB entra oficialmente no governo Augusto Castro.

Aqui relembramos algumas passagens sobre a última participação desse partido no executivo municipal.


No governo do ex-prefeito Claudevane Leite, 2013-2016, o PCdoB tinha sob sua batuta os cargos de:

. Vice-prefeito

. Planejamento

. Educação

. Saúde

. EMASA

. Presidência da Câmara Municipal


Quais as entregas que fizeram?


O vice-prefeito acumulou o cargo de secretário de planejamento mas não conseguiu elaborar e executar projetos durante a gestão. Nenhum legado foi deixado.


Na educação foram várias greves. A primeira delas ainda no início do governo com direito a invasão do gabinete do prefeito e acampamento no local. Os índices não avançaram e era comum um ano letivo terminar com pelo menos 6 meses de atraso.


Na saúde foram 3 ou 4 secretários, sendo que o primeiro deles assinou com o governo estadual um acordo para a gestão plena pelo município, assumindo um déficit de quase R$ 2 milhões por mês à época.


Na EMASA houve a tentativa de realizar a concessão para a iniciativa privada, fracassada com a denúncia de pagamento de R$ 600 mil por um plano de saneamento plagiado. Houve ainda a prisão de pessoas ligadas ao partido por desviar equipamentos da empresa durante a pior crise hídrica da história de Itabuna.


O partido contava com 2 vereadores: um deles presidiu a Câmara durante os 4 anos da legislatura 2013-16. Nenhum projeto para proporcionar o avanço da cidade foi aprovado. O então presidente da Câmara teve suas contas rejeitadas e ficou inelegível.


Uma empreiteira, com forte ligação com os comunas, realizou a obra do 'shopping dos camelôs' que por pouco não terminou em tragédia. Fizeram força para evitar a demolição do prédio inacabado mas foram vencidos.


No final, com a fragorosa derrota do candidato a prefeito Davidson Magalhães, o PCdoB disse que, apesar dos cargos, apesar de ter sob seu controle secretarias com grandes orçamentos, eles não tinham culpa do fracasso do governo Vane pois a caneta não era deles.


O PCdoB fracassou antes e vai fracassar novamente pois sua mentalidade não vai além de seus próprios interesses.


Provavelmente o jogo da política, o toma-lá dá-cá, tenha imposto ao prefeito ceder uma secretaria aos cururus.


Afundaram Vane antes.

Vão afundar Augusto em breve.

E dirão que não tiveram culpa (embora tivessem cargos).


Texto do Jornalista: Paulo Lima

20 visualizações0 comentário

Comentarios


bottom of page