top of page

Mulheres podem ter direito a atendimento especializado durante a menopausa


Sempre atenta às necessidades das mulheres, a deputada federal Rogéria Santos (Republicanos-BA) sugeriu ao Poder Executivo, por intermédio do Ministério da Saúde, atendimento público especializado para mulheres durante a menopausa no Sistema Único de Saúde (SUS).


É importante ressaltar que de acordo com os dados do (IBGE), a estimativa é que atualmente no Brasil, cerca de 29 milhões de mulheres estão nesta situação. Nessa fase da vida, a mulher pode apresentar diversos sintomas, isolados ou em conjunto, sendo os mais comuns: insônia, ondas de calor, diminuição da libido e da capacidade de concentração. Além disso, nesta fase aumenta o risco de doenças cardiovasculares, como hipertensão arterial e diabetes, de osteoporose e de alguns tipos de câncer, como de mamas e ovários.


E com o objetivo de minimizar os impactos dessa etapa da vida das mulheres brasileiras o tratamento e acompanhamento torna-se essencial. De acordo com a parlamentar a sugestão é que o SUS ofereça o atendimento especializado “garantindo a realização de

exames de diagnósticos; disponibilização de reposição hormonal, medicações

necessárias; atendimento psicológico; e acompanhamento por equipe

multiprofissional de saúde”, destacou

22 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page