top of page

Sequestrado após sair de festa, jovem é achado morto com sinais de tortura na Bahia


Um rapaz de 22 anos foi achado morto em uma represa na cidade de Maraú, na Bahia. O corpo de Carlos da Cruz Sacramento tinha sinais de tortura, segundo a polícia.


Carlos desapareceu no sábado (2), depois de ser sequestrado na saída de uma festa na comunidade de Pedra Branca.


A polícia diz que o crime pode ter sido motivado por ciúmes. Carlos seria ex-namorado da atual companheira de um dos suspeitos de ordenar sua morte.


O corpo dele foi achado com pés e mãos amarrados e outros sinais de violência.


A delegacia da cidade investiga o caso.

175 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page