top of page

Suspeita de matar e esconder corpo do marido em freezer teria pedido medida protetiva contra o homem



O caso da mulher acusada de matar e esconder o corpo do marido dentro do freezer ganhou mais um desdobramento, após informações darem conta de que a suspeita teria registrado um boletim de ocorrência contra o marido em 2019 e pedido medida protetiva contra o homem, segundo a Polícia Civil (PC).

Contudo, depois desta ocorrência o casal teria se reconciliado e não foi registrado mais denúncias.


Em depoimento na terça-feira (22), a professora Claudia Tavares Hoeckler, 40 anos, disse ao delegado que queria sair com as colegas de trabalho para uma confraternização de fim de ano em Abdon Batista, na Serra catarinense, mas que foi proibida pelo marido. Também alegou ter sido ameaçada de morte por ele antes de decidir agir.

O corpo de Valdemir Hoeckler, 52 anos, foi achado na noite de sábado (19), na residência em que o casal vivia. Ele estava desaparecido desde o dia 15, data em que a mulher registrou o desaparecimento.

Segundo a Polícia Civil, a suspeita confessou o crime e afirmou que agiu sozinha no homicídio.

11 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page