Ilhéus: Polícia prende acusada de tentar matar companheiro e filhos por envenenamento



Uma mulher, de 37 anos, suspeita de tentar matar o companheiro e os três filhos em Ilhéus, no Sul, foi presa nesta quarta-feira (6) em Sumaré, no interior paulista. Segundo a Polícia Civil, o caso ocorreu em 2012 quando a acusada ministrava pequenas quantidades de veneno na alimentação do companheiro e dos três filhos do casal. Afetado pelo veneno, o homem foi internado em várias unidades de saúde, onde passou por exames para tentar diagnosticar a causa do problema. Ainda segundo a polícia, a mulher chegou a acompanhar a vítima nos internamentos, mas seguia com a prática criminosa. “Ela envenenava a alimentação servida para o companheiro nos hospitais”, explicou o coordenador do Núcleo de Homicídios, delegado Helder Carvalhal de Almeida. A mulher teria ainda obrigado um dos filhos a praticar o mesmo ato. As suspeitas do crime ficaram mais nítidas quando a mulher iniciou um novo relacionamento e deixou de visitar o ex-companheiro. “A acusada começou um novo relacionamento quando o companheiro ainda estava internado e deixou de frequentar o hospital, momento em que o homem passou a apresentar melhoras no quadro clínico, levando os profissionais a suspeitarem de envenenamento, que se confirmou após realização do exame médico legal”, detalhou o delegado. O mandado de prisão foi expedido pela 1ª Vara do Júri da Comarca de Ilhéus.

21 visualizações0 comentário