Variante de Manaus representa 80% das infecções por Covid-19 na BA e preocupa Sesab


A variante do coronavírus P1, identificada inicialmente em Manaus, no Amazonas, se tornou predominante na Bahia e já representa 80% das infecções no estado. O fato deixa a Secretaria da Saúde do estado (Sesab) em alerta.

O titular da pasta, Fábio Vilas-Boas, atribui à variante a responsabilidade pela aceleração do número de internações e elevação do número de óbitos no estado. A situação vivida pela Bahia segue uma tendência identificada em todo o Brasil, destacou o secretário em um vídeo divulgado no Twitter nesta sexta-feira (18).

De acordo com Vilas-Boas, a proximidade das datas em que tradicionalmente se celebra o São João e o São Pedro preocupa a gestão. Os festejos já estão suspensos por decreto estadual, e o governo também proibiu a circulação de ônibus intermunicipais e venda de bebida alcoólica no período para evitar que as pessoas viajem e promovam festas clandestinas e aglomerações do interior do estado.

4 visualizações0 comentário