top of page

Marinha investigará causas de acidente que matou o empresário Janilson Mascarenhas

A Marinha do Brasil abrirá inquérito para investigar as causas e circunstâncias do acidente que vitimou o empresário Janilson Dias Mascarenhas, nas proximidades da Ilha do Goió, em Maraú. O empresário faleceu no início da tarde deste sábado (10).


Mascarenhas pilotava uma moto aquática (jet ski), quando se afogou ao cair da embarcação. O empresário sofreu uma pancada na região frontal da cabeça, o que teria causado o afogamento. Janilson era dono de rede de supermercados e hortifrúti em Itabuna e outros municípios do sul e sudoeste da Bahia.


Ainda segundo a Marinha, militares da Delegacia da Capitania dos Portos de Ilhéus que realizavam inspeção naval na Baía de Camamu se dirigiram ao local do acidente ao serem informados do ocorrido. Lá, constataram que a vítima havia sido resgatada pela embarcação Atthena.




SOCORRO


O empresário chegou a ser transferido para a embarcação Dourado, da Delegacia da Capitania, onde foram prestados os primeiros socorros, conforme a Marinha. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e prestou atendimento ainda no cais de Camamu, porém a equipe, após manobras de ressuscitação, constatou o óbito do empresário.


A Marinha do Brasil emitiu nota sobre o acidente. “A MB lamenta o ocorrido e se solidariza com os familiares da vítima”. O corpo de Janilson foi sepultado na tarde deste domingo (11), em Poções, no sudoeste. às informações são do Pimenta

33 visualizações0 comentário
bottom of page