top of page

Jogador de futebol amador é morto após briga com vizinho por causa de cachorro




Na última segunda-feira (8), Thiago Henrique Lopes Ferreira, de 24 anos, jogador de futebol amador com aspirações profissionais, foi tragicamente assassinado a tiros no bairro de Fazenda Grande II, em Salvador. Segundo a Polícia Civil, informações preliminares indicam que o jovem foi baleado após uma briga com um vizinho, provocada por uma discussão por causa de um cão.

Thiago Henrique, torcedor do Palmeiras e com passagens pelas categorias de base do Bahia, Camaçariense e São Carlos, saiu de casa em uma motocicleta para jogar bola com amigos. O conflito teve início quando ele passou pelo cachorro do vizinho na rua, resultando em uma abordagem armada por parte do dono do animal. O homem, munido de uma arma de fogo, questionou Thiago sobre o incidente com o cachorro.

Mesmo após Thiago Henrique pedir desculpas, o suspeito disparou pelo menos quatro tiros contra o jovem, sem aparente motivo. Amigos da vítima relatam que ele tentou se desculpar, mas o agressor, de forma abrupta, foi buscar uma arma e atirou. O assassinato ocorreu diante de pelo menos oito testemunhas, que afirmam que o jovem tentou desarmar o agressor, mas foi atingido.

A família de Thiago Henrique revelou que o suspeito, após o crime, recolheu as cápsulas dos tiros e roubou o celular da vítima antes de fugir do local. Alguns vizinhos relatam que o agressor tem histórico de ameaças na comunidade. A investigação prossegue para esclarecer os detalhes do trágico episódio que tirou a vida do jovem atleta e deixou a comunidade consternada.

22 visualizações0 comentário
bottom of page