top of page

Augusto Castro sofre nova derrota na justiça contra Guinho




A Desembargadora da Primeira Câmara Cível do Tribunal de Justiça da Bahia, Pilar Célia Tobio, indeferiu o pedido liminar realizado pelo Município de Itabuna, na gestão do prefeito Augusto Castro (PSD55).

A liminar tinha como objetivo suspender o prazo para cumprimento da decisão proferida pelo Juiz do 1° grau, Dr. Ulisses Maynard.

Com o indeferimento da liminar, o prazo para cumprimento da decisão continua a correr, ou seja, o Prefeito de Itabuna, Sr. Augusto Castro, tem 15 dias para nomear todos os servidores indicados pelo Vice Prefeito, Enderson Guinho, no seu gabinete.

Além disso, o Prefeito Augusto Castro deverá exonerar os servidores fantasmas que havia nomeado, conforme denunciado pelo Vice Prefeito.

Em caso de descumprimento da decisão judicial, incidirá multa diária.

36 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page