top of page

Aliado íntimo de Bolsonaro é preso em operação da Polícia Federal; saiba detalhes



A Polícia Federal prendeu na manhã desta quarta-feira (3) um dos principais aliados do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) e nome fundamental na luta do clã bolsonarista para reter, pessoalmente, as joias dadas de presente pelo governo da Arábia Saudita e que entraram ilegalmente no Brasil.

Ex-ajudante de ordens do ex-presidente, o tenente-coronel Mauro Cid Barbosa foi preso em ação que cumpre 16 mandados de busca e apreensão e seis mandados de prisão preventiva, em Brasília e no Rio de Janeiro.


Na operação, a PF investiga um grupo suspeito de inserir dados falsos de vacinação contra a Covid-19 nos sistemas do Ministério da Saúde.


A inclusão dos dados falsos aconteceu entre novembro de 2021 e dezembro do ano passado. As pessoas beneficiadas conseguiram emitir certificados de vacinação e usar para burlar restrições sanitárias impostas pelos governos do Brasil e dos Estados Unidos, segundo os investigadores.

6 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page