top of page

Acusado de matar motorista de aplicativo é preso em Itabuna



Nesta terça (17), após troca de informações entre o Centro de Operações Policiais Especiais (Cope) da Polícia Civil de Sergipe, a Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Litoral Norte e a Cipe Cacaueira da Polícia Militar da Bahia, foi possível localizar em Itabuna, o fugitivo José Lenaldo da Silva Júnior (Jegão), de 32 anos. Ele já respondia a processos criminais por homicídio e tráfico de entorpecentes em Sergipe e estava foragido desde o ano passado, quando rompeu tornozeleira eletrônica e teve novo mandado de prisão preventiva expedido pela Justiça sergipana. José Lenaldo foi localizado por policiais da Cipe Cacaueira em Itabuna, onde foi abordado. Porém, ao perceber a ação policial, o criminoso reagiu, disparando contra as equipes, que revidaram e o atingiram. O fugitivo veio a óbito. Apesar de se encontrar fora do estado de Sergipe, José Lenaldo comandava o tráfico de entorpecentes no município de São Cristóvão e passou a ocupar a gerência da organização criminosa após seu irmão, Leonardo Reis da Silva, conhecido como Léo Grandão, ter sido morto em confronto com policiais militares de Sergipe em 2019.

152 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page