top of page

Acusado de matar jovens em atropelamento teria cometido crime após “não” de vítima em festa; caso ocorreu no Sul baiano


Um “fora” teria sido a causa do atropelamento que causou a morte de três jovens em um trecho da BA-667 de Santa Cruz da Vitória, no Sul da Bahia. O suspeito já foi identificado e o carro apreendido. Até o início da manhã desta terça-feira (5) não havia informações sobre a prisão do acusado, informou a TV Santa Cruz. O fato ocorreu na madrugada do último domingo (3), após uma festa estilo vaquejada.



Foram a óbito Luiz Carlos Barboza Santos, de 19 anos; Diane Novais Santos, de 26; e Wesley da Silva Santos, de 23. Os três e mais um amigo saíram do evento e seguiam a pé pela rodovia. Um carro em alta velocidade atingiu o grupo. Logo após, o suspeito fugiu do local sem prestar socorro.



Testemunhas disseram que o suspeito, que não teve o nome divulgado, também esteve na festa. Ele tentou se relacionar com Diane, mas recebeu um não, que teria sido a motivação do atropelamento. Ainda segundo informações, Luiz Carlos e Diane morreram no local do acidente.



Wesley e uma quarta vítima, que não teve o nome divulgado, foram socorridos e levados para o Hospital de Base de Itabuna, mas o primeiro não resistiu. A Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Itabuna) apura o crime.

70 visualizações0 comentário

Comentarios


bottom of page